DENÚNCIA: Blogs e sites ganham 20 mil reais ou mais para falar mal de Lula e do PT

URGENTE: Nova prova documental sobre pagamentos por Fake News contra Lula e PT comprova manipulação - Indústria de Fake News desmascarada

Recentemente, uma reportagem publicada na Folha de São Paulo relatou um esquema de empresários ligados ao candidato do PSL, Jair Bolsonaro, para 'impulsionar' Fake News contra o PT no WhatsApp, com o objetivo de influenciar as eleições, propagando mentiras na Internet. O 'esquema' de impulsionamento, além de infringir a legislação eleitoral e criar muitas vezes difamação indevida, consiste na obtenção irregular de números de telefone através de operadoras de telemarketing, e, de posse de tais números, criar grupos com a 'roupagem' de grupos criados por pessoas comuns, para propagar mentiras e induzir as pessoas a compartilhar tais notícias.

Blogs e sites ganhando dinheiro ao falar mal de Lula e do PT

Com a ajuda de um especialista, que não terá seu nome divulgado pela reportagem (conforme proteção constitucional do sigilo da fonte necessário ao exercício profissional), ficou constatado que sites e blogs têm como principal fonte de renda programas que inserem publicidade na notícia, que costumam remunerar os donos dos blogs por CPC ou CPM (custo por clique ou custo por mil, respectivamente).

Ocorre que, quando os processos judiciais contra Lula vieram à tona, principal figura do PT na política brasileira, acompanhando as declarações públicas dos procuradores da Lava Jato e até a condução de Sérgio Moro, a população ficou inflamada de 'ódio' contra o PT, que acabou ficando com o 'stigma' de partido corrupto, como se apenas o PT fosse um partido corrupto, o que não é verdade, uma vez que a corrupção é um problema 'catastrófico' no Brasil.

Pessoas ligadas a outros partidos e com viés partidários, inclusive apoiadores do regime militar, apoiadores de Bolsonaro ou apenas pessoas que queriam se aproveitar da situação proporcionada pelo 'alarde' da justiça, para ganhar dinheiro, passaram a usar uma estratégia.

A lógica é simples: Falar mal do PT, demonizar o Lula e o lucro é certo!

Este jornalista que vos escreve, não citará grupos políticos por medo de represálias e ameaças, porém, é simples observar que alguns grupos, ganharam destaque criando uma atmosfera de guerra e agora chegaram ao poder, com eleições para a Câmara Federal, Assembleia Legislativa, dentre outros cargos eletivos. Outros (como uma mulher que não terá o nome citado), que já tinham 'destaque' na mídia, também conseguiram se eleger falando 'asneiras', criando uma simulação atmosférica falsa para dizer que 'Lula seria solto a qualquer momento', e simular conspirações de todo tipo com o objetivo de ganhar destaque, aproveitando da ingenuidade da população inflamada.

A 'arte' sem escrúpulos de criar Fake News contra Lula e o PT e ganhar muito dinheiro!

Aproveitando o clima de ódio, já que Lula era o primeiro presidente a ser preso na história do Brasil, da forma que ocorreu, aproveitando a 'dureza' do judiciário contra o líder esquerdista, criando uma atmosfera que o PT é o único partido corrupto do Brasil, aproveitadores e partidários passaram a produzir Fake News sobre o retorno do regime militar, informações sobre Kit Gay (da qual Bolsonaro se aproveitou) e passaram a criar informações distorcidas como se as pessoas que defendem ideias de esquerda (como reforma agrária, demarcação de terras indígenas, melhor distribuição de renda, defesa das artes e dos direitos humanos para recuperação da sociedade), fossem bandidos, criminosos e corruptos. Bolsonaro, sabendo de tudo isso, teria se aproveitado muito bem para continuar com o clima de ódio, sabendo que parte da população segue inflamada. Um recente discurso de Bolsonaro durante a campanha que dizia 'metralhar a petralhada' ou que iria 'varrer os vermelhos para a prisão ou para outro país', demonstra amplo conhecimento dessa situação estratégica, pois a população que recebeu tais notícias por mais de 2 anos (época dos processos contra Lula), segue inflamada com Fake News, acreditando que 'pessoas que defendem ideias de esquerda são bandidas'.

Quanto ganham para falar mal do PT?

Segundo uma fonte, que este jornalista conheceu, um dos sites de manipulação lucrava R$ 5.000 reais por mês aproximadamente, e conquistou em tempo record, cerca de 75 mil seguidores em sua página na Internet e chegava a usar, além de mecanismos de propaganda que pagam por CPC ou CPM, incluía até mesmo pedido de doações via plataformas como PagSeguro.

Ou outro site, segundo relato, chega a faturar cerca de R$80 mil reais por mês com conteúdo muitas vezes 'manipulado'.

Ao defender ideologias singelas de esquerda para verificar a resposta do público, muitos chegaram a associar ao crime ou falta de caráter, e foi aí que este jornalista percebeu que tudo se encaixava: A população inflamada por Fake News, e tudo aogra explicava os 'nervos exacerbados' no Brasil. A alta exposição do processo judicial contra Lula, procuradores vindo a público 'demonizar o então candidato' e no obscuro, a população recebendo Fake News, mas acreditando piamente em todas as informações como verdades.

Para demonstrar a rentabilização de sites/blogs, apresentamos um demonstrativo de recebimento, porém, é bom lembrar que muitas pessoas (conforme os relatos obtidos) passaram a se aproveitar da situação para ganhar dinheiro produzindo Fake News sobre Lula e sobre o PT. Como já afirmado, as fontes aqui não serão citadas, por motivo de segurança e proteção, pois já houve ameaças outras vezes durante o período de pesquisa:

Por Nelson Gazolla (Júnior)

DENÚNCIA: Blogs e sites ganham 20 mil reais ou mais para falar mal de Lula e do PT DENÚNCIA: Blogs e sites ganham 20 mil reais ou mais para falar mal de Lula e do PT Reviewed by Nelson Gazolla on 16:32 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.
X

Atenção !!!

NÃO PERCA as Atualizações!

Clique em CURTIR

TV, Cinema, Teatro e muito mais!

Nosso Site