#MeToo: Acusado de assédio comete suicídio

Dias antes de cometer suicídio, acusado disse que queria provar sua inocência

Recentemente 'explodiram', principalmente em Hollywood, diversas acusações de 'assédio' ou comportamento inadequado de diversos artistas do mundo do cinema.

Onda de denúncias em Hollywood

Alguns poucos casos estavam 'descontextualizados' e pareciam situação de 'oportunismo' para promoção pessoal, como foi o caso da acusação contra Ben Affleck, durante uma entrevista. O público não considerou que tenha havido assédio, pois a entrevistadora estava bem à vontade e descontraída 'brincando' com o ator.

Porém, outros casos são gravíssimos, com as acusações contra o produtor Harvey Weinstein, acusado de ter cometido diversos 'assédios' contra diversas atrizes famosas. Uma, inclusive, alega ter sido vítima de 'sexo não consentido', o que caracteriza o crime de estupro. Embora Weinstein alegue que todas as relações tenham sido consentidas.

A partir de então, uma onda de de denúncias surgiram contra diversos 'magnatas' e 'poderosos' do cinema, uma das mais 'catastróficas' é a onda de denúncias contra Kevin Spacey, o astro é vencedor de dois Oscars e sempre foi uma ator respeitadíssimo, com talento 'incomparável', além de 'ressurgir' recentemente, e fazer um 'estrondoso sucesso', com a série House Of Cards, da Netflix. Porém, pelo menos 7 acusações de 'assédio' já pesam contra Spacey, que assumiu ser gay e iniciou tratamento contra 'vício em pornografia'.

Outros atores e diretores também têm sido denunciados nos últimos dias.

Denúncias de assédio na política

Denúncias no mundo da política também chamam atenção, principalmente na frança e no reino unido. 

Algumas acusações referiam-se a 'comentários desnecessários', porém outras, envolviam também outras questões.

Um político Galês (Reino Unido) acusado de assédio foi encontrado morto em seu apartamento, a principal suspeita é que ele tenha cometido suicídio. Carl Sargeant tinha 49 anos, era casado e pai de dois filhos. Foi suspenso do partido e perdeu o cargo de ministro. Ele era Ministro Trabalhista e havia contratado uma 'investigação independente' para 'provar sua inocência', mas, ao que tudo indica, com a onda de 'condenações da opinião popular sem julgamento', cometeu suicídio. A família disse estar' devastada'.


#MeToo: Acusado de assédio comete suicídio #MeToo: Acusado de assédio comete suicídio Reviewed by Nelson Gazolla on 18:11 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.
X

Atenção !!!

NÃO PERCA as Atualizações!

Clique em CURTIR

TV, Cinema, Teatro e muito mais!

Nosso Site